O estranho mundo dos comentaristas de jornal

Estes dias nós aqui do blog estávamos lendo algumas notícias e conversando sobre o pessoal que costuma comentar jornais online. Quem lê jornal na internet normalmente se depara com cada absurdo nos comentários e não se conforma como é que alguém pode pensar daquele jeito. De fato, se você parar para ler aqueles textos que ficam abaixo das notícias encontrará pessoas dando todo tipo de “conselho” e citando suas verdades, pra elxs mais do que ~cientificamente~ provadas, sobre todos os tipos de acontecimento no mundo! Esses comentaristas são muito ~sábios~, têm sempre o que falar sobre tudo! É impressionante.

Existem alguns temas preferidos desse povo. Vamos enumerar alguns deles.

1) Outras sexualidades:

Quando se trata de qualquer sexualidade que não seja a hétero, é hora destes profissionais destilarem seus preconceitos e invocarem o Deus Todo-Poderoso que ainda vai queimar a terra como queimou Sodoma e Gomorra e punir severamente todas essas pessoas que se envolvem com essa nojeira.

Sobre a aprovação do casamento gay no Reino Unido lemos algumas coisas bem bacanas:

reino unido

Afinal, relações amorosas envolvem somente o pênis e a vagina e são exclusivamente voltadas à reprodução, certo? Além disso, a homossexualidade faz com que só existam homens no planeta!

Quando se trata de travestis ou transexuais a coisa pode ser ainda pior.

Uma travesti foi violentamente agredida durante um assalto. A notícia já começa grotesca, com o/a jornalista tratando a travesti como “ele” o tempo todo. Para os/as guardiões/ãs da boa moral agora tudo é homofobia – porque claro, travesti é só um homem gay que gosta de usar roupa de mulher, né? Xs sábixs comentaristas ignoram solenemente a existência de uma coisinha chamada transfobia. Diante do diferente, qualquer agressão é justificável para essas vozes da sabedoria.

 Aberração e “alienigina” (i.e., alienígena) são alguns dos tratamentos dedicados à Melissa. Discursos de que essa foi uma lição dada a ela para que se arrependesse também aparecem. Desejo de que essa “coisa medonha” morresse, também são recorrentes. Alguns exemplos:

1 2 5 6

A clássica inversão é recorrente. Para estes/as cidadãos/ãs de bem, quem tem preconceito, em primeiro lugar, é sempre o/a transexual. Afinal, foi ele/a que não se aceitou como nasceu. A transexual se assumir como mulher demonstra o quanto ela é preconceituosa em relação aos coitados dos homens.

7

Na Veja, nada surpreendente, só elogios à atuação de Silas Malafaia na entrevista com Marília Gabriela.

11

Não sei se eu assisti à mesma entrevista que esse povo, mas falar que Malafaia humilhou e “matou a pau” é forçar a barra. O que eu ouvi e vi foi uma pessoa descontrolada, gritando e ignorando quase que todos os questionamentos da entrevistadora por falta de argumentos. Mas, sendo homem, ele usou sua arma mais forte que é justamente a figura masculina. Afinal, ele está acostumado a se impor o tempo todo já que fala por deus, certo? Ai, se Deus também pudesse dar uma entrevista, hein? Fico imaginando o que ele diria.

2) Mulheres:

Lendo os comentários de jornal parece que o mundo todo é machista. É desesperador! O tanto de mulher que fala contra mulher… E homens também, claro. Sentem saudades de quando “as mães se preocupavam com os filhos”, não queriam ter muitas ambições, e dizem que as feministas estragaram os relacionamentos e as crianças, que agora ficam aí sem receber a devida educação (que claro, é só responsabilidade da mãe). O moralismo é a característica mais notável nesse tipo de comentário:

Foi assaltada e espancada no Carnaval? – devia estar em casa fazendo faxina em vez de participar dessas festas pagãs!
Ficou bêbada e foi estuprada? – quem mandou beber?
Estuprada e morta? – estava provocando.

Parece que mulher e vadia são conceitos complementares e que um não anda sem o outro. Se falar em slut-shaming pra esse povo, quem sabe eles não respeitam por ser um termo em inglês? (já que pra esse tipo de sábio, tudo que vem de fora é melhor, claro!)

Exemplos?

“Estilista dá dicas de como ficar sexy sem ser vulgar”. Bom, a própria reportagem já é sexista e é uma porcaria.

8

Daí a menina vai lá pular carnaval e…morre!

9

 A mulher resolveu fazer uma cirurgia de silicone e… morreu. Ótima oportunidade para ser cruel e machista.
10

3) PT

Ah, o PT! Existe uma mania generalizada de culpar o PT por tudo. Adoram usar aquela expressão cunhada pelo ilustre Reinaldo Azevedo, o pai do conservadorismo pós-moderno no Brasil (o conservadorismo é o mesmo sempre, muda-se o meio de comunicação onde expressá-lo) e mentor dxs comentadorxs de jornal online: todo mundo que não é contra o partido da situação é PTralha.

Inflação em tempos de crise mundial: o PT rouba e dá nisso
Choveu demais: culpa do PT
Deu enchente (mesmo em cidades administradas por outros partidos): tinham que ser os PTralhas de novo!
Invadiram a reitoria da USP?! Tudo um bando de PTralha!
A boate Kiss pegou fogo? É claro, o dono era um senador do PT! Assassino!
O candidato X ou Y foi eliminado do BBB? É tudo culpa dos PTralhas que alimentam esse pão e circo pra continuar no governo!

Nesse quesito, devo dizer que a criatividade dos queridos comentadores é impressionante. Saem os argumentos clichês para entrar todo tipo de teoria conspiratória. Não dá pra negar o talento que teriam essas pessoas para escrever ficção.

Uma pena a gente não ter conseguido achar um exemplo melhor de comentário!

12

Concordo que a política econômica do governo seja limitada, mas quem inaugurou o uso incessante dessa política de juros altos para controlar a inflação foi o Fernando Henrique, aquele cara lá que privatizou o país. Com tudo vendido, o que ia sobrar pra gente senão tentar controlar investimentos através de juros? Ninguém conseguiu executar nenhuma estratégia além dessa e das idas e vindas do IPI. Brasileirx tem mais medo de inflação do que de qualquer outro monstro.

Toda política do PT já é a priori errada. Falou em bolsas, então. Onde já se viu ficar dando dinheiro pra vagabundo? Porque todo pobre é vagabundo e só está nessa condição porque não trabalha.

13

Um beijo para o Celso!! Esse foi o melhor comentário que já existiu!

Que bom que eles comparecem às colunas de comentário, continuem comparecendo apenas lá e deixando os outros espaços pra gente!

É meio difícil entender a lógica que seguem… sobre Chalita e o Ministério de Ciência e Tecnologia:

14

E para finalizar, elxs sentem tanta saudade da Ditadura, o período de ouro da política brasileira. É curioso o tanto de gente de uns 20 anos ou menos que sente saudade desses tempos áureos! Naquela época, tudo funcionava, as pessoas eram educadas, sabiam respeitar xs outrxs e o governo mantinha a ordem e, consequentemente, o progresso.

15

Afinal, quem são essas pessoas e por que são tão intolerantes e preconceituosas? São os vários Almeidinhas, descritos com maestria por Matheus Pinchonelli, fortalecidos pelo anonimato e que adoram programas como Brasil Urgente e Cidade Alerta. São os “cidadãos de bem”, que sentem saudades dos  “bons tempos” mas que, infelizmente, aprenderam a usar um computador. Sentem-se cada vez mais desconfortáveis em mostrar sua face reacionária diante de uma consciência coletiva que está sim, embora a passos de formiga, mudando. E aí o que sobra, já que não podem mais destilar suas opiniões ~polêmicas~ nos espaços em que antes eram privilegiados? Sobra ali aquela caixinha embaixo da notícia. Não importa o quanto a notícia seja ruim, os comentários sempre conseguirão deixá-la pior.

Mas com essa mania de sermos otimista, imaginamos que seja só um efeito colateral das mudanças que vem acontecendo em nosso país. Por via das dúvidas, DON’T EVER READ THE COMMENTS!

twitter

Esses seres pequeninos e frustrados não irão perder uma oportunidade de destilar seu ódio e declarar seu preconceito a quem quiser ou não ler.

Hater’s gonna hate. Ódio pelo ódio, fazer o quê. Ignoremos e vamos dar a elxs mais o que comentar!

Anúncios

Comente!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s